Glaucoma

O glaucoma é uma degradação do nervo óptico, normalmente associada ao aumento da pressão intraocular. No entanto, em alguns casos mesmo com a pressão ocular normal o glaucoma é diagnosticado.

O nervo óptico é responsável por transmitir ao cérebro as informações que enxergamos. Quando o glaucoma afeta essas fibras nervosas, elas morrem gradualmente, podendo resultar na perda total da visão.

Normalmente essa degradação acontece pelo do aumento da pressão intraocular, causada por alteração no fluxo de produção e no escoamento do humor aquoso (líquido que preenche parte do olho).

Esse distúrbio pode se desenvolver de forma lenta, progressiva e sem apresentar sintomas, e ocasionar a perda gradual da visão e até levar à cegueira.

Tipos

Existem diferentes tipos de glaucoma e os principais são:

Glaucoma Primário Crônico de Ângulo Aberto

Um glaucoma que acomete os dois olhos ao mesmo tempo; no entanto pode ser assimétrico. Acometer um olho mais do que o outro. Aparece na fase adulta. É especialmente assintomático e, por ser gradual, é perceptível apenas quando o nervo óptico está bastante lesionado. A perda da visão começa nos extremos do campo visual, que pode estender-se por todo o campo visual e causar a perda completa da visão. Esse tipo de glaucoma é comum em pessoas com miopia, acima de 65 anos, de etnia negra. Seu diagnóstico precoce é possível quando são feitas frequentes consultas oftalmológicas.

Glaucoma Primário de Ângulo Fechado

Normalmente se manifesta de forma aguda e repentina. Através da percepção de um brilho intenso e uma dor muito forte. Recomenda-se que, ao sentir dor, você vá direto ao oftalmologista, pois significa que a pressão ocular está muito alta. Apesar de não ser tão comum, esse tipo de glaucoma é mais perigoso.

Sintomas e prevenção

Fatores de risco para o glaucoma:

  • Idade avançada (acima de 40 anos)
  • Pressão intraocular (PIO elevada)
  • História familiar de glaucoma
  • Miopia elevada
  • Etnia
  • Diabetes

Além disso, a doença tem maior incidência em pessoas com idade acima de 40 anos, de cor negra ou com ascendência asiática.

Ao redor de 80% dos glaucomas não apresentam sintomas no início da doença e quanto mais precoce for o diagnóstico, maiores são as chances de se evitar a perda da visão. Apenas após algum tempo depois de instalado o glaucoma, o paciente começa a notar a perda do campo visual.

Diagnóstico

O glaucoma é detectado somente através de um exame oftalmológico, em que o médico faz a medida da PIO, o exame de fundo de olho e, quando necessário, solicita exames, como por exemplo: campo visual, retinografia, paquimetria, curva tensional diária, teste de sobrecarga hídrica e eventualmente  a tomografia de coerência óptica (OCT )de papila e fibras nervosas retinianas peripapilares.

Tratamento

Geralmente o tratamento é realizado com colírios, podendo-se recorrer ao laser ou cirurgias, conforme recomendação médica, e de acordo com o tipo de glaucoma e estágio da doença.

O tratamento clínico com colírios tem como principal objetivo estabilizar a doença através da redução de pressão ocular (PIO). O nível de redução da PIO deve ser individualizado e considerado importantes fatores como: gravidade do glaucoma, idade do paciente, história familiar, etnia, espessura da córnea e comorbidades como: hipertensão arterial, diabetes meliltus, crises frequentes de enxaqueca, arterosclerose, hipotensão noturna e apnéia do sono. A pressão-alvo corresponde a um nível seguro da PIO, a fim de evitar o estabelecimento ou progressão das alterações glaucomatosas.

Existem diversas classes de colírios hipotensores oculares e o médico irá indicar qual a melhor opção de tratamento de acordo com as características de cada paciente. Muitas vezes se faz necessário a associação de drogas para o controle da doença.

É muito importante seguir as orientações médicas para o controle da doença.

Marque a Sua
Consulta Aqui

Se preferir, pode ligar ou mandar um Whats

mapa do site

contatos

endereço

Rua XV de Novembro, 1776 – América
Joinville – SC
CEP: 89.201-602

VER NO MAPA

Copyright © Instituto de Oftalmologia de Joinville 2021

powered by clinicUp

mapa do site Home Sobre Exames Exames Lentes de Contato Blog Contatos contatos endereço Telefones: (47) 3422-3679 (47) 3422-6664 (47) 3433-9271 WhatsApp: (47) 99117-0742 Rua XV de Novembro, 1776
Bairro América
Joinville – SC
CEP: 89.201-602

VER NO MAPA
Copyright © Instituto de Oftalmologia de Joinville 2021 powered by clinicUp
mapa do site Home Sobre Exames Exames Lentes de Contato Blog Contatos contatos endereço Telefones: (47) 3422-3679 (47) 3422-6664 (47) 3433-9271 WhatsApp: (47) 99117-0742 Rua XV de Novembro, 1776
Bairro América
Joinville – SC
CEP: 89.201-602

VER NO MAPA
Copyright © Instituto de Oftalmologia de Joinville 2021 powered by clinicUp

Agendamento Particular

Agendamento Empresarial

Open chat