Exame Digital dos Olhos

A realização deste exame é importante para identificar lesões oculares precocemente, aumentando assim as possibilidades de tratamento, cura e reabilitação visual. Muitas doenças genéticas podem ser detectadas através do exame de fundo de olho, o que reforça a importância deste exame.

Consiste em registrar através de uma câmera digital imagens fotográficas em alta resolução do fundo de olho e da superfície ocular. Uma solução segura e indolor para a captação, armazenamento e recuperação de imagens dos olhos de recém-nascidos e crianças.

Detalhes importantes

Este exame substitui as consultas regulares a um oftalmologista?

Não. O exame digital dos olhos não se destina a substituir as consultas regulares do seu filho com um oftalmologista. Tem como objetivo único documentar por imagem o fundo de olho. Importantes doenças como: estrabismo, hipermetropia, astigmatismo, miopia e ambliopia (baixa visão funcional) somente são diagnosticadas em um exame oftalmológico mais abrangente.

O exame digital substitui o exame do reflexo vermelho?

Não. O exame do reflexo vermelho das pupilas é de suma importância e obrigatório nas maternidades. Reflexo pupilar esbranquiçado( leucocoria) pode representar problema ocular devendo o recém-nascido ser encaminhado para exame oftalmológico.

O exame digital por sua vez é capaz de documentar: malformações congênitas, cicatrizes, hemorragias, tumores como retinoblastoma, retinopatia da prematuridade (ROP), catarata congênita, retinosquise juvenil e infecções na retina. No entanto recém-nascidos podem ser acometidos por infecções congênitas que em 60% dos casos se manifestam de forma assintomática como, por exemplo: sífilis, toxoplasmose e rubéola.  Agiliza o diagnóstico, encaminhamento e otimiza procedimentos quando necessário. Além disso, a documentação dos olhos serve como banco de dados para comparação de possíveis mudanças no olho no decorrer da vida. Não podemos tratar o que não enxergamos e quanto mais precoce for o diagnóstico e a intervenção menor será o impacto na vida desta criança.

O resultado do exame garante que meu filho não terá problemas nos olhos?

Não. A imagem digital fornece uma documentação que é utilizada para identificar potenciais desordens que colocam em risco a saúde ocular. Na grande maioria das vezes o exame é normal. No entanto, possibilita a comparação de imagens dos exames subseqüentes realizados ao longo do tempo, a fim de mostrar possíveis mudanças na papila do nervo óptico e na retina. Na eventual detecção de anormalidade, as imagens ajudarão o seu oftalmologista ao esclarecimento diagnóstico.

Como acontece o desenvolvimento do sistema visual do recém-nascido?

É um processo incrivelmente rápido. Conforme uma publicação de 2017 da Sociedade Brasileira de Pediatria, o processo de desenvolvimento visual acontece em fases: fase 1: entre o terceiro e quarto mês de vida  que pode ser definido como “período crítico”porque é a fase que acontece a maturação da fóvea( estrutura da retina principal responsável pela visão dos movimentos e formas). Se qualquer obstáculo estiver interrompendo a passagem de luz para a formação da imagem será de grande prejuízo para a vida desta criança. Fase 2: entre os 2 e 3 anos de idade que é a fase que a criança atinge a visão de um adulto.Fase 3: entre os 8 e 9 anos de idade fase que o sistema visual estará maduro e pouco se consegue modificar a partir desta data.Importante salientar que em um recente artigo 2020 publicado pela Universidade de Havard ( EYE and EAR HOSPITAL) descrevem que o período crítico responsável pela formação da arquitetura cerebral é até o sétimo dia de vida. Isto significa que se a luz não chegar com perfeição na mácula para a formação da imagem, poderemos ter modificações da estrutura cerebral desta criança.

Isso quer dizer que: se não houver estímulo visual e se tiver alguma obstrução para a formação da imagem  poderá haver comprometimento no desenvolvimento cognitivo do recém-nascido?

Possivelmente sim. Porque para que o desenvolvimento cognitivo e físico de uma criança transcorra de forma normal e positiva é necessário que desde a gestação e o nascimento este cérebro receba estímulos para que possa processá-los. A construção da arquitetura cerebral depende da integridade de todas as estruturas da retina que levam os estímulos para o cérebro para a formação da imagem. Quando se tem na área central da fóvea uma cicatriz, por exemplo: toxoplasmose, a retina e o cérebro conseguem muitas vezes desenvolver uma área paracentral da visão. Mas tudo irá depender dos estímulos recebidos para que a criança tenha uma visão mais útil para o futuro. Irá depender também da genética (hereditariedade) e ambiente em que vive.

O que é cegueira evitável?

Quando falamos sobre cegueira evitável falamos sobre prevenção.

Muitas doenças deixam de ser detectadas pelo exame do reflexo vermelho.

Muitas crianças somente são identificadas com baixa visão na idade escolar: e a consequência disso é a falta de tratamento e estimulação em tempo hábil (diagnóstico tardio) que provocará um grande déficit visual e cognitivo, muitas vezes parcialmente ou totalmente irreversível.

O que é a Retina?

A retina é um tecido ultra-especializado e origina-se no tubo neuronal e carrega as características do nosso sistema nervoso. Este tecido tem um potencial de regeneração baixo (quase inexistente) e de grande demanda metabólica e em casos de isquemia é um tecido que entra rapidamente em sofrimento. A retina é um dos poucos locais que se analisam os vasos sanguíneos do seu corpo (visualização direta) que possibilita diagnosticar as diferentes alterações que podem ocorrer, por exemplo: angiopatias (vasculites). Possui vasos: artérias e veias.

O que é o Nervo Óptico?

O nervo óptico é um axônio prolongamento do terceiro neurônio e se liga ao corpo geniculado lateral (que irão criar as fibras que irão até o sistema nervoso central) no encéfalo na região posterior. É um axônio longo que está ligado ao sistema nervoso central que tem uma correlação com as meninges e com a pressão intracraniana. O nervo óptico é um reflexo do que está acontecendo no sistema nervoso central. A rima do nervo óptico se comunica com o sistema liquólico do sistema nervoso central. O nervo óptico tem que ter: borda nítida e corada não pode estar edemaciado. Podem acontecer neurites (do sistema nervoso central) inflamações, aumento da pressão intracraniana caso se tenha alguma alteração no nervo óptico.

Recém-nascido 2 dias de vida. Caso de possível leucemia

Recém-nascido de 1 dia de vida com hemorragias retinianas.

Recém-nascido 1 dia de vida que apresenta sífilis.

Recém-nascido 2 dias de vida . Diagnóstico de toxoplasmose atípica.

Recém-nascido 2 dias de vida. Diagnóstico de toxoplasmose

Marque a Sua
Consulta Aqui

Se preferir, pode ligar ou mandar um Whats

mapa do site

contatos

endereço

Rua XV de Novembro, 1776 – América
Joinville – SC
CEP: 89.201-602

VER NO MAPA

Copyright © Instituto de Oftalmologia de Joinville 2021

powered by clinicUp

mapa do site Home Sobre Exames Exames Lentes de Contato Blog Contatos contatos endereço Telefones: (47) 3422-3679 (47) 3422-6664 (47) 3433-9271 WhatsApp: (47) 99117-0742 Rua XV de Novembro, 1776
Bairro América
Joinville – SC
CEP: 89.201-602

VER NO MAPA
Copyright © Instituto de Oftalmologia de Joinville 2021 powered by clinicUp
mapa do site Home Sobre Exames Exames Lentes de Contato Blog Contatos contatos endereço Telefones: (47) 3422-3679 (47) 3422-6664 (47) 3433-9271 WhatsApp: (47) 99117-0742 Rua XV de Novembro, 1776
Bairro América
Joinville – SC
CEP: 89.201-602

VER NO MAPA
Copyright © Instituto de Oftalmologia de Joinville 2021 powered by clinicUp

Agendamento Particular

Agendamento Empresarial

Open chat